sábado, 26 de julho de 2014

Sopa de milho com bacon do Outback


Noite fria, sopa quente, comida que conforta
A história se repete, pão e vinho, entre colheradas do delicioso sabor do milho, a gente abre o coração e celebra a vida!

Sopa de milho com bacon do Outback

Ingredientes:
1 lata de milho
2 colheres de sopa de margarina
2 colheres de sopa de farinha de trigo
500ml de leite
100 g de bacon bem picadinho
2 gemas
Sal
1 xícara de cebolinha picada

No liquidificador, bata o leite e o sal com quase toda a lata de milho (reserve um pouquinho)
Em uma panela grande, frite o bacon com a margarina
Adicione a farinha
Mantenha em fogo médio e adicione o creme que estava no liquidificador e as gemas, o milho reservado,  continue mexendo até ficar cremoso.
Sirva bem quente, polvilhada com a cebolinha picada

terça-feira, 22 de julho de 2014

Bruschettas de Figo, Coalhada Síria e Hortelã


O que pode haver de melhor na vida que pão, queijo, azeite e frutas ? 
E vinho, claro, vinho é indispensável...
Acho que viveria feliz se na minha geladeira - claro que eu teria que ter uma geladeira né? - só tivesse esses itens, pois juntando um e outro, outro e um, as possibilidades se tornam infinitas e eu nunca poderia estar com fome!


Bruschettas, uma boa fatia de pão italiano torrado, um generoso fio de azeite, e as coberturas que a sua imaginação mandar...
Neste caso, figos combinaram muitíssimo bem com a coalhada síria e as folhinhas de hortelã.
Um quê de cozinha de Oriente Médio, norte da África, sabores que me fazem viajar...

A inspiração veio daqui, onde aliás você poderá contar com outras combinações interessantes de ingredientes.
Na receita original, a autora usou redução de balsâmico, mas como eu não tinha a mão, usei azeite de oliva, e achei que ficou digníssimo.

Bruschettas de Figo, Coalhada Síria e Hortelã

Ingredientes – 2 porções
2 fatias de pão italiano 
2 figos cortados em gomos;
2 colheres (sobremesa) de coalhada seca;
2 colheres (chá) de redução de balsâmico - usei azeite 
folhas de hortelã;
pimenta do reino moída na hora e flor de sal;

Modo de fazer:
Aqueça uma chapa de ferro ou frigideira antiaderente e doure as fatias de pão. 
Não use nem manteiga nem óleo, só o pão direto na chapa.
Sobre cada fatia disponha os figo, uma colher de coalhada seca e as folhas de hortelã. 
Regue com azeite e a redução de balsâmico. Polvilhe com flor de sal e pimenta moída na hora.

sexta-feira, 11 de julho de 2014

Naked Cake de Morangos e Creme de Leite Condensado


Os Naked Cakes, bolos pelados, sem cobertura são a sensação do momento.
São despidos, mas não tem que ser feios, pelo menos a gente espera que não...
Já disse, você sabe, não sou artista na cozinha, nem de longe. O talento que algumas amigas tem para confeitaria e decoração eu não possuo, 
Mas não me entristeço não, reproduzo meus quitutes do jeito que o meu capricho alcança, e sem esperar muita coisa,  fico bem feliz com o resultado!


A receita da massa veio da Marly, minha amiga Master Chef, do Saboreando a Vida. 
O recheio não tem nada demais, é aquele creme básico de leite condensado que a gente sabe fazer de cor.
Morangos pra lá e pra cá, e uma chuvinha de açúcar de confeiteiro para finalizar.
Pode não ter ficado lá muito bonito, mas que ficou gostoso, isso ficou viu gente?


Genoise Clássica - Receita da Marly

Ingredientes:
5 ovos
2 gemas 
150 gramas de açúcar refinado
150 gramas de farinha de trigo
25 gramas de amido de milho
75 gramas de manteiga derretida e morna
1 colher de chá de casca de limão ralada - usei extrato de baunilha

Preparo:
Unte e forre com papel manteiga apenas o fundo de uma forma de 24 centímetros de diâmetro, unte também o papel (nota: usei 3 forminhas de 17 centímetros e os bolos ficaram bem fininhos; disso concluí que a massa toda pode ser feita numa forma de 24 centímetros).
Não unte as paredes da forma, pois isso faz com que o bolo inche no centro, formando um montinho. Ponha a forma de lado. Coloque os ovos, as gemas, o açúcar e baunilha numa tigela que possa ser aquecida. Fixe a tigela sobre uma panela contendo água quente (não fervente!) sobre fogo bem baixo. Bata a mistura com uma batedeira de mão ou com um mixer, até que que o açúcar dissolva bem e a mistura fique clara e espessa. Tire a tigela do calor e bata a mistura até que esfrie, fique ainda mais clara, espessa e visivelmente mais volumosa. Pare de bater e acrescente - bem gentilmente -, aos poucos, e com uma espátula flexível - a farinha. Junte a manteiga, também delicadamente, misturando de baixo para cima, até que tudo esteja homogeneizado. Despeje a massa na forma preparada, alise a superfície dela e leve-a ao forno à temperatura de 180ºC, por 30/35 minutos. Faça o teste do palito, para ver se o bolo está assado. Tire o bolo do forno e deixe que esfrie por cerca de dez minutos, passe delicadamente uma faca por toda a volta do bolo e vire-o sobre uma gradinha, para que acabe de esfriar.

Recheio de Leite Condensado
1 lata (395gr) de leite condensado
a mesma medida da lata de leite 
3 gemas passadas por peneira
1 colher (sobremesa) de amido de milho
1 colher (chá) de extrato de baunilha

Misturar bem todos os ingredientes numa panela de fundo grosso fora do fogo.
Levar ao fogo baixo mexendo sempre até que o creme tenha consistência de um mingau grosso.
Deixar esfriar para empregar.

terça-feira, 8 de julho de 2014

Amendoins, para sua torcida ficar aquecida!


Não sou fã de futebol, na verdade não ligo nem um pouco, 
Mas gosto da farra, das pessoas reunidas, da cerveja gelada, dos abraços de alívio quando o nosso time faz gol, e gosto da comemoração.
Mais que tudo gosto de pensar no que servir aos amigos, afinal, se tem coisa que me anima mesmo é ir pra cozinha "inventar" alguma coisa!


Hoje os amendoins me vieram na cabeça, pois acho amendoins lembram mesa de bar, cerveja gelada, gente boa reunida, alegria...

Salgadinhos e picantes, e docinhos com chocolate, cada um na sua...

Amendoins Praliné

Ingredientes
2 xícaras (chá) de amendoim torrado
1 xícara (chá) de açúcar
meia colher (chá) de fermento químico em pó
2 colheres (sopa) de Chocolate em Pó 

Modo de Preparo
Em uma panela de fundo largo, coloque o amendoim, o açúcar, o fermento, o Chocolate e meia xícara (chá) de água. Leve ao fogo médio, mexendo de vez em quando. Assim que começar a açucarar, mexa vigorosamente, sem parar, até secar bem. Retire do fogo e deixe esfriar em uma assadeira.

Amendoins Apimentados

Ingredientes 
500gr de amendoins torrados sem sal 
2 colheres (sopa) de óleo de canola 
2 colheres de sopa de açúcar 
Cominho 1-1/2 colheres de chá de cominho em pó
1 colher de chá de sal 
1/2 colher de chá de pimenta caiena 
1/2 colher de chá de alho em pó 

Coloque os amendoins em uma tigela pequena; 
Regue com o óleo e misture. 
Misture o açúcar e os temperos; polvilhe sobre os amendoins e misture bem. 
Transfira para uma assadeira forrada com papel aluminio untado. 
Asse em forno a 200° por 20-25 minutos ou até que doure, mexendo ocasionalmente. 
Espalhe sobre papel manteiga para esfriar.
Guarde em recipiente hermético se não for consumir na hora. 

sábado, 5 de julho de 2014

Peito de Frango com molho de mostarda...para um almoço sem complicações


De complicada já basta a vida...
Quantas vezes você já ouviu essa máxima? Milhares! 
Eu também, se bem que confesso que uma receita complicada muitas vezes me dá prazer...
Mas não, não foi o caso do meu almoço de hoje.
Hoje preferi simplicidade, muitos afazeres me mantiveram com certa "preguiça" do fogão.
Mesmo assim comi bem, aliás muito bem, pois o meu peito de frango com mostarda não me decepcionou!



Nada demais, aquele franguinho grelhado que você sabe fazer tão bem:
Peitos de frango cortados em filés não muito finos, passados por água quente com vinagre - mania minha para tirar o gosto forte e alguma sujeirinha desagradável.
Enxugo com papel toalha, tempero com o que tiver a mão: pouquinho de iogurte garante a maciez, o vinho branco aqui também vale!
Então tem sal, alho, pimentinha do reino - tudo em poucas quantidades, afinal, a mostarda já é salgada.
Fica na marinada por uma meia hora na geladeira.
Frigideira quente, azeite e manteiga nas mesmas proporções, tiquinho de um, tiquinho de outro.
Espera esquentar e frite os bifes até que estejam dourados.
Depois de todos prontos, um pouquinho mais de manteiga, fiozinho de azeite na panela "suja".
Uma cebola bem picadinha, esperar dourar, mas não queimar, cuidado!
Vinho branco ou clado de galinha para deglaçar.
Raspa bem o fundo pro seu molho ficar com uma cor bonita.
Acrescente agora a mostarda - eu uso mostarda Dijon, mas use aquela que você gostar.
Uma boa misturada, uma meia colherinha de mel só para equilibrar os sabores....e Voilá!
Sirva com seus bifes de frango, e seja bem feliz!


sexta-feira, 4 de julho de 2014

Pipoca, para torcer pelo Brasil!


Sim, você já viu este post aqui,
Mas é que procurando uma ideia pra logo mais, eu acabei pensando na mesma coisa.
Afinal, quem não gosta de assistir o futebol comendo pipoca?
Acho que a combinação é clássica, então, essa é a minha sugestão para você: faça bastante pipoca, e deixa à mesa as coberturas doces e salgadas para que cada um se sirva,
Com certeza sua torcida vai adorar!



segunda-feira, 30 de junho de 2014

Shortbreads de Parmesão da Nigella


Em primeiro lugar quero pedir desculpa à todos as pessoas que deixaram seus carinhosos comentários nas postagens abaixo. 
Não sei como nem porque, mas aconteceu aqui no meu blog uma "intervenção do além", que saiu apagando todos os comentários de algumas das minhas últimas postagens...vai entender!!!
Bom, mas passemos aos assuntos agradáveis, como estes biscoitinhos chamados "shortbreads" - receita da nossa diva Mrs. Nigella Lawson - que eu preparei no final de semana para receber alguns amigos em casa. 
Ficaram divinos e acompanharam bem todas as opções de bebidas que eu servi, portanto...
Recomendo!


Ingredientes:
150 gramas de farinha de trigo 
75 gramas de queijo parmesão ralado - use um queijo de boa qualidade, de preferência moído na hora.
100 gramas de manteiga sem sal em temperatura ambiente
1 gema de ovo 

Modo de Fazer:
Misture todos os ingredientes - pode usar batedeira ou processador de alimentos - mas não use as mãos (é sempre melhor trabalhar massa de biscoito sem contato manual, para que a massa não corra o risco de endurecer) até obter uma massa homogênea.
Divida a massa em dois e guarde a segunda parte na geladeira enquanto trabalha com a outra.
Agora usando as mãos, enrole-a em um cilindro, usando um plástico enfarinhado sem fazer força sobre ela, fazendo um rolinho de cerca de 3cm de diâmetro.  
Coloque o rolo na geladeira, em seguida, proceda da mesma forma com a metade restante da massa. 
Pré-aqueça o forno a 180ºC enquanto os cilindros de massa descansam na geladeira.
Corte a massa em fatias grossas e arrume em uma assadeira forrada com papel vegetal e leve ao forno por 15-20 minutos, até que estejam dourados. 



Obs: eu usei um cortador de biscoitos e polvilhei os meus biscoitinhos com os seguintes ingredientes: sementes de papoula, gergelim branco e castanhas de caju em metades.
Achei que deu um "charme nos biscoitinhos", mas não é obrigatório de maneira nenhuma, os seus shortbreads vão ficar deliciosos também sem cobertura.

sexta-feira, 27 de junho de 2014

Caldo de mandioca com carne seca e requeijão

Estamos oficialmente no inverno no hemisfério sul, mas vale dizer que de inverno aqui não temos nada.
Mesmo assim, teimamos em ter na nossa mesa receitas que remetem à época, na esperança de trazer um pouquinho de frio pra essas noites tão quentinhas pelas quais temos passado.
Um caldinho é sempre bem vindo, e esse especialmente, eu sei que vai te agradar, olha só:

Caldo de mandioca com carne seca e requeijão

Ingredientes:
2 litros de água para cozinhar a mandioca
2 cubos de caldo de carne (ou de sua preferência)
500 g de mandioca descascada e cortada em pedaços
2 tomates maduros, com pele e sem sementes, picadinhos
5 colheres (sopa) de azeite
1 cebola picada
1/2 xícara de cheiro-verde - (salsinha e cebolinha) picado
Sal e pimenta vermelha picada a gosto
100 g de bacon cortado em cubinhos
500g de carne seca dessalgada, cozida e desfiada 
2 dentes de alho amassados
1 cebola picada
requeijão cremoso para servir

Modo de preparo:
Numa panela com 2 litros de água, coloque 2 cubos de caldo de carne (ou de sua preferência) e 500 g de mandioca descascada e cortada em pedaços.
Cozinhe por cerca de 30 min ou até a mandioca ficar macia. 
Retire as fibras duras e deixe esfriar.
Transfira para um liquidificador (a mandioca já cozida e o caldo de cozimento) e bata bem, até que esteja cremoso. Reserve. 
Num recipiente, misture 2 tomates maduros, com pele e sem sementes, picadinhos, 5 colheres (sopa) de azeite, 1 cebola picada, sal e pimenta vermelha picada a gosto.
Numa panela em fogo médio, junte 100 g de bacon cortado em cubinhos, os dentes de alho amassados e a cebola picada. Refogue até estar dourado
Adicione a mistura de tomate (temperado e reservado), a carne já cozida e desfiada e mexa bem.
Junte o creme da mandioca reservado e cozinhe por mais ou menos 5 min, mexendo sempre.
Salpique cheiro-verde picado na hora de servir, e se gostar, acrescente uma colher de requeijão cremoso ou catupiry.