sábado, 26 de setembro de 2009

O pão de queijo...é mineiro,uai!

Sua origem
A origem do pão de queijo se confunde com a própria origem da culinária mineira, acompanhando a evolução de seus ingredientes: primeiro surgiu a goma, vindo da mandioca sob a forma do polvilho doce ou azedo; depois a gordura de porco, o sal, o ovo, o leite, a nata, a manteiga e por último o queijo, que aos poucos incorporou-se ao biscoito de goma (precursor do pão de queijo)moldados sob a forma de pequenas bolinhas e finalmente assados.
 Com o desenvolvimento e expansão do mercado de produtos congelados, o consumo do pão de queijo expandiu-se por todo o país e exterior. Com este crescimento surgiram tecnologias de processamento, desenvolvimento de equipamentos e muita criatividade, como pão de queijo com chocolate, pão de queijo recheado, pão de queijo com ervas, pão de queijo com goiabada, não deixando para traz o tradicionalíssimo pão de queijo, com receitas que são verdadeiras relíquias.
(texto retirado do site: queijosnobrasil.com.br)

A minha receita preferida:
Ingredientes:

1 quilo de polvilho azedo
500 gramas de queijo Minas Padronizado ou Curado
500 ml de leite; para escladar
5 ovos
2 colheres de mesa de manteiga
1 colher de sobremesa de sal.

Modo de fazer:

Peneire o polvilho numa gamela. Meça o leite, a manteiga e o sal, aqueça-os até que a manteiga esteja totalmente derretida e o leite quase em ponto de fervura.
Adicione o leite (com a manteiga e o sal) sobre o polvilho, mexendo lentamente (este procedimento é denominado de escaldo do polvilho), irá permitir que o pão cresça melhor e se torne mais digerível.
Depois de escaldado, deixe que esta mistura esfrie um pouco e adicione os ovos. Esfarinhe a massa com as pontas dos dedos e solve muito bem. A massa deverá ficar maleável e uniforme, adicione o queijo (previamente ralado) e regule o ponto com um pouco de leite ou polvilho quando necessário. É melhor deixar a massa mais molinha, os pãezinhos vão ficar mais macios.
Molde sob formato de bolinhas no tamanho que preferir e leve ao forno previamente aquecido, ou se preferir congele as bolinhas para assar a medida que quiser.

Dicas:
. Use um queijo com sabor autêntico, como um Minas Curado ou um bom Parmesão, afinal de contas pão de queijo tem que ter queijo...

. Deixe o polvilho escaldado, esfriar, e somente depois adicione os ovos.

. Pré aqueça antecipadamente o forno para assar o seu pão de queijo.

. Caso queira inovar, adicione gorgonzola, bacon moído, alho, cheiro verde, frango, requeijão ou até goiabada...te garanto que você vai adorar!

. Para completar, coe um cafezinho...bom apetite!

Recheados com goiabada

8 comentários:

  1. Sem contar que é o queijo mais famoso do país né Rê?
    Uma observação para suas lindas xícaras....

    ResponderExcluir
  2. oi Renata!
    Amei a simplicidade da receita...ficaram lindos!
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Renata

    Adoro comer pão de queijo.A receita que faço é semelhante a sua.
    Resolvi testar uma coisa inédita.
    Faça as bolinhas normalmente.Ao invés de vc levá-las ao forno,coloque na sanduicheira.Menina,fica melhor do que assado no forno.Vc pode deixar a massa na geladeira e vai moldando os pães quando tiver vontade de comê-los.
    Dá certinho...
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Têm mesmo muito bom aspecto :)

    Já sigo seu blog,

    http://purpurinsworld.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  5. nossa...muito facil vou testar.tenho uma receita especial minha mas fiquei com vontade de fazer essa.alem de lindo espero q fiquem deliciosos tbm.





    ResponderExcluir
  6. Qual a quantidade de colher de mesa?? é igual a uma colher de sopa rasa???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sim, isso mesmo, uma colher de sopa, mas pode ser cheia!

      Excluir
  7. Eu estou a amar o seu blog e esta receita parece maravilhosa! Sou portuguesa mas pão de queijo é uma perdição para mim. ;)

    ResponderExcluir

É um prazer tê-lo aqui,fique a vontade para deixar seu comentário!