sábado, 28 de novembro de 2009

Banana Rum Cake...e de repente podemos estar... nas Bahamas!

Esse bolo é típico das ilhas do Caribe, onde existe muita banana e o rum é a bebida típica! 
O bolo é super úmido, e o rum dá um sabor incrível!


Separe os ingredientes:
- 1/2 xícara de cha de manteiga amolecida
- 1 1/2 xicara de cha de açúcar
- 02 ovos, ligeiramente batidos
- 02 colher de chá de fermento em pó
- 04 colheres de sopa de sour cream ( consegue-se juntando 01 colher de sopa de suco de limão a 250ml de creme de leite fresco, deixando em descanso por 15 min)
- 01 xícara de bananas amassadas
- 1 1/2 xíc de farinha de trigo
- 1/2 xícara de rum escuro
- 1 colher de cha de sal
- 1 colher de chá de baunilha 
- 01 xíc de nozes picadas 

Fazer assim: 
Bater em creme manteiga com açúcar ate ficar claro. Adcionar os ovos e a baunilha, bater. Em seguida o fermento em pó dissolvido no sour cream. Bater bem. Em seguida as bananas, a farinha de trigo peneirada, o sal e o rum, bater levemente por fim as nozes e apenas misturar.
Levar ao forno por 40 min aproximadamente. 
Se quiser, faça uma cobertura com açúcar de confeiteiro peneirado e leite, ou suco de limão, na proporção de 01 xic de açúcar para três colheres de líquido. Misture bem e aplique.
E então, já que a gente cozinha, mas também viaja...
Nassau, Bahamas!





sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Vai um suco de graviola aí?



No calor medonho que tem feito por aqui, o jeito é ficar arranjando jeito pra resolver...Os sucos naturais são sempre uma ótima opção...eu pelo menos adoro!
Tem segredo não: Bata a polpa da graviola com água na tecla "pulsar" do liquidificador com bastante cuidado para não triturar as sementes. Passe na peneira, adoce a gosto, junte bastanteeee gelo e refresque-se!
E fala sério: tem coisa mais gostosa que um suco de graviola bemmmm gelado?

Pra quem não conhece, apresento a graviola:
(que além de refrescante ainda faz muito bem à saúde)

A graviola é uma fruta originária das Antilhas, prefere climas úmidos, baixa altitude, e não exige muito em relação a terrenos. A graviola é uma árvore de pequeno porte (atinge de 4 a 6 metros de altura) e encontrada em quase todos os países tropicais, com folhas verdes brilhantes e flores amareladas, grandes e isoladas, que nascem no tronco e nos ramos. Os frutos tem forma ovalada, casca verde-pálida, são grandes, chegando a pesar entre 750 gramas a 8 quilos e dando o ano todo. Contém muitas sementes, pretas, envolvidas por uma polpa branca, de sabor agridoce, muito delicado e semelhante à fruta-do-conde.
Esta fruta é conhecida não somente por seu delicioso sabor característico, levemente azedo, bem como seu riquíssimo conteúdo em nutrientes. Cerca de 100 gramas de graviola fornecem em média 60 calorias, 25 mg de cálcio, 28 mg de fósforo e 26 mg de vitamina C (um terço da Recomendação de Ingestão Diária).
Por se tratar de uma fruta com riquíssima composição nutricional, a graviola apresenta inúmeras propriedades terapêuticas, podendo ser utilizada em sua totalidade. Aproveitam-se as folhas, as flores, os brotos, os frutos verdes ou maduros. A graviola pode ser utilizada sob a forma in natura, sob a forma de chás, preparada como cataplasmas que são sobrepostos diretamente nas afecções cutâneas e também em cápsulas que contêm os princípios nutricionais desta maravilha da natureza.
Porém, uma das maiores descobertas sobre a graviola foi sua sensacional capacidade de agir contra as células do câncer, mostrando em testes em laboratório um potencial extraordinário.

Dentre as propriedades terapêuticas da graviola pode-se destacar o seu potencial diurético, adstringente, vitaminizante, antiinflamatório, anti-reumático, bem como sua propriedade antiespasmódica, antitussígena e anticancerígena. É boa fonte de vitaminas do complexo B, importantes para o metabolismo de proteínas, carboidratos e gorduras, incrementando o cardápio com vitaminas e minerais, bom para a saúde. É ruim para pessoas com caxumba, aftas ou ferimentos na boca, que devem evitar consumi-la in natura, pois sua acidez é irritativa e pode provocar dor.
FONTE: JUNQUEIRA, N.T.V.; OLIVEIRA,

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Um bolinho de mandioca...que você pode gostar!



Um bolinho que agrada bastante aqui na minha casa...é super fácil de fazer
Tenho certeza que você também vai gostar!

Ingredientes:

- meio quilo de mandioca descascada
- 4 ovos
- 1 lata de leite condensado
- meia xícara (chá) de açúcar
- 1 colher (sopa) de manteiga
- 1 vidro de leite de coco (200ml)
- 1 xícara (chá) de coco fresco ralado para polvilhar
 
Cozinhe a mandioca, retire as partes duras do centro, pique e bata juntamente com os outros ingedientes no liquidificador.
 
Coloque em forma bem untada, polvilhe com o côco ralado e leve ao forno para assar.