sábado, 16 de outubro de 2010

Pão de Alho - À Moda da Andréa Potsch

Uma idéia da Andréa Potsch do Blog Aromas e Sabores...delícia a qualquer hora.
Faça pra servir de acompanhamento pra massa, pro churrasco, ou pra comer assim puro, mas com uma taça de vinho, por favor...ok, você prefere uma cerveja gelada? Perfeito!

Ingredientes:

-10 pães franceses cortados em fatias mas sem desgrudar umas das outras
-100 g de manteiga amolecida
-200 g de maionese
-1 cabeça de alho - dentes espremidos ou picadinhos
-Sal e salsa fresca a gosto (ou orégano)

Modo de preparo:

Misture bem a maionese com a manteiga e o alho, tempere com salsa e sal.
Besunte bem os pães com a pasta de alho por dentro e por fora e guarde-os em um saco plástico fechado na geladeira.
Antes de servir asse os pães em forno médio (ou em churrasqueira - pode ser no espeto ou sobre a grelha) até que fiquem dourados por fora e a manteiga/maionese fique derretida por dentro.

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Rosca doce de coco

Gosto muito de fazer pães...acho que vocês já devem ter percebido...juntar a farinha com outros ingredientes e ver o resultado final é algo que sempre me fascinou. Ainda preciso aprender muito, estou muito longe de ser uma "boulanger", faço pães pelo prazer que essa arte me proporciona.

Meus filhotes preferem os pães doces, e eu prefiro os pães rústicos, os integrais, com sementes, e farinhas diversificadas. E assim vamos nós, a cada dia fazendo pão de um jeito, agradando a uns, e a outros...como deve ser!

E hoje trago então pra vocês, essa maravilhosa rosca recheada de coco, deliciosamente macia, pra acompanhar seu chá, ou meus cafés....espero que gostem!

Massa:

1/4 de xícara de leite
1/4 de xícara de manteiga derretida
1/4 de xícara de água morna
1/4 de xícara de açúcar
1/2 colher (chá) de sal
15 g de fermento biológico fresco
2 ovos
3 xícaras de farinha de trigo

Misture o leite com a manteiga derretida, o açúcar e o sal. À parte, dissolva o fermento na água morna e junte a mistura do leite. Bata os ovos, e acrescente a mistura feita com leite e fermento. Vá juntando a farinha aos poucos para a massa não ficar dura e sove até que não grude mais nas mãos.

Recheio:

Usei 50g de coco (úmido e adoçado) e 1/4 xic de manteiga derretida

Pincelei com gema e depois de assada coloquei um pouco de fondant de açucar por cima.

terça-feira, 12 de outubro de 2010

As Cataratas do Iguaçu - uma das maravilhas do meu país que eu ainda não conhecia

Aproveitei o feriado prolongado e fui visitar uma das maravilhas desse meu Brasil que eu ainda não tinha visto.Fiquei maravilhada em poder ter o privilégio de assistir a este espetáculo da natureza.

Para quem ainda não conhece, vou contar um pouquinho...

"A palavra Iguaçu significa "água grande", na etimologia tupi-guarani. As Cataratas são formadas pelas quedas do rio Iguaçu. Dezoito quilômetros antes de juntar-se ao rio Paraná, o Iguaçu vence um desnível do terreno e se precipita em quedas de 65 m de altura em média, numa largura de 2780 m. Sua formação geológica data de aproximadamente 150 milhões de anos.
O rio Iguaçu mede 1200 m de largura acima das cataratas. Abaixo, estreita-se num canal de até 65m. A largura total das Cataratas no território brasileiro é de aproximadamente 800m e no lado argentino de 1900m. Dependendo da vazão do rio, o número de saltos varia de 150 a 300 e a altura das quedas varia de 40 a 82 metros resultando numa largura de 2.700 metros, com formato semicircular. A vazão de água média do rio em torno de 1.500 m3 por segundo, variando de 500 m3/s nas ocasiões de seca e de 6.500 m3/s nas cheias.
As quedas isoladas podem chegar a quase 300, dependendo do volume de água do rio, reduzindo para menos de 20 em tempo de cheia. Os grandes saltos são 19, três deles do lado brasileiro (Floriano, Deodoro e Benjamin Constant) e os demais no lado argentino. A disposição dos saltos -a maior parte deles no lado argentino e voltados para o Brasil - proporciona a melhor vista para quem observa o cenário a partir do Brasil.

A Garganta do Diabo - Impressionante força das águas
Após uma ampla curva e uma corredeira, a parte principal das cataratas precipita-se lateralmente na profunda fenda de erosão, formando a Garganta do Diabo.Com quase 85m de altura este é o salto mais apreciado pelos visitantes, seu formato, lembra uma ferradura.
Em 17 de novembro de 1986, durante a conferência geral da UNESCO realizada em Paris, o Parque Nacional do Iguaçu foi tombado como Patrimônio Mundial Natural da Humanidade, constituindo-se numa das maiores reservas florestais da América do Sul.
Imagens que vão ficar na lembrança
Você poderá conhecer as Cataratas do Iguaçu tanto por Foz do Iguaçu (lado brasileiro), quanto por Puerto Iguazú (lado argentino), cada um com suas belezas e surpresas. No “lado brasileiro”, as Cataratas do Iguaçu encontram-se dentro do Parque Nacional do Iguaçu, no "lado argentino" estão dentro do Parque Nacional Iguazú."

Minha filha ficou encantada com as borboletas coloridas,
fazia questão de fotografar todas...

Quem visita as Cataratas não pode perder o passeio de barco, você pode ver bem de pertinho as enormes quedas d'água...Uma aventura sem igual...que me rendeu uma gripe horrível, mas valeu à pena!

E pra terminar o passeio fomos visitar a Usina Hidrelétrica Binacional de Itaipu, metade brasileira, metade paraguaia...A maior usina em geração de energia do mundo. Uma aula que recomendo a todos!
Este foi um passeio maravilhoso...adoro viajar pelo mundo, mas conhecer o meu país foi um aprendizado, aprendi a dar o devido valor ao que temos de sobra neste Brasil: paisagens incríveis e lugares inimagináveis! E como foi bom poder estar entre milhares de turistas, vindos de todas as partes do mundo, que até aqui viajaram pra conhecer o que a maioria de nós ainda não viu!