sábado, 16 de julho de 2011

Convenção Familiar Temporada 2011

Qualquer semelhança pode não ser mera coincidência...

1a. Convenção Familiar - Temporada 2011 

Queridos Marido e Filhos,

Em primeiro lugar, Mamãe gostaria de agradecer a presença de todos nesta Primeira Convenção Familiar. Mamãe sabe como foi difícil abrir um espaço nas agendas de cada um de vocês: Papai tinha uma lavagem de carro praticamente inadiável, Júnior já tinha marcado de se trancar no quarto, Carol estava para receber pelo menos três telefonemas importantíssimos de uma hora e meia cada um.
Mamãe está comovida. Muito obrigada.
Bem, conforme Mamãe já tinha mais ou menos antecipado, esta convenção é para comunicar ao público interno - Papai, Júnior e Carol - todas as modificações nos produtos e serviços da linha Mamãe. 
Como vocês sabem, a última vez que Mamãe passou por reformulações foi há 14 anos, com o nascimento do Júnior. De lá para cá, os hábitos e costumes, o panorama cultural, a economia e o mercado passaram por transformações radicais.
Mamãe precisa acompanhar a evolução dos tempos, sob pena de ver sua marca desvalorizada.
Para começar, Mamãe vai mudar a embalagem. Mamãe sabe que esta é uma decisão polêmica, mas, acreditem, é o que deve ser feito.
Mamãe sai desta convenção direto para um SPA, e de lá para uma clínica de cirurgia plástica. Nada assim tão radical. Haverá pouquíssimas alterações de rótulo, vocês vão ver. 
Mamãe vai continuar com praticamente o mesmo formato, só que com linhas mais retas em alguns lugares e linhas mais curvas em outros.Calma, Papai! Mamãe já captou recursos no mercado.
Mamãe vai ser patrocinada por uma nova marca de comida congelada. Lei Rouanet, porque Mamãe também é cultura. Junto com o lançamento da nova embalagem de Mamãe, no entanto, acontecerá o movimento mais arriscado deste plano de reposicionamento.
Sinto informar, mas Mamãe vai tirar do mercado o produto Supermãe..
Não, não, não adianta reclamar. Supermãe já deu o que tinha de dar. Trata-se de um produto anacrônico e superado, antieconômico e difícil de fabricar. 
Mamãe sabe que o fim da Supermãe vai aumentar a demanda pela linha Vovó, que disputa o mesmo segmento. Paciência. Você não pode atender todos os públicos o tempo todo.
No lugar da Supermãe, Mamãe vai lançar (queriam que eu dissesse 'vai estar lançando', mas eu me recuso) novas linhas de produtos mais adequados à realidade de mercado. 
Vocês vão poder consumir Mamãe nas versões Active (executiva e profissional), Light (com baixos teores de pegação de pé), Classic (rígida e orientadora), Italian (superprotetora) e Do-It Yourself (virem-se, fui passear no shopping).
Mas uma de cada vez, sem misturar.
Ah, sim, Mamãe detesta esses nomes em inglês, mas me disseram que, se não for assim, não vende. Mamãe gostaria de aproveitar a oportunidade para lançar seus novos canais de comunicação.
De hoje em diante, em vez de sair gritando pela casa, vocês vão poder ligar para o SAC-Mamãe, um 0300 que dá direto no meu celular (apenas 27 centavos por minuto, mais impostos) 
Mamãe também aceita sugestões e críticas no endereço mamae@mamae.net
Mais uma vez Mamãe agradece a presença e a atenção de todos.

Autoria Desconhecida

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Creme de baroa à moda da Provence

Noite fria...nada melhor que uma sopa bem quentinha...aquece a alma, e acalma o coração...
Nada de complicado...sirva-se de um bom vinho enquanto cozinha as batatas num bom caldo de legumes 
Em outra panela frite em azeite rodelas de linguiça, paio, choriço, ou qualquer outro embutido da sua preferência, + uma cebola bem picada. Reserve
Estando as batatas bem cozidas passe-as pelo processador ou mixer até que formem um creme bem homogêneo. 
Continue tomando seu vinho bem devagar...
Verta o creme de batatas na panela onde estão as linguiças, e acrescente agora o que vai fazer toda a diferença: as ervas de provence desidratadas!
Espere ferver e apurar, acrescente sal e pimenta do reino se achar necessário.
Sirva-se e seja feliz!

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Palitinhos de Queijo e Alecrim

 Receita que eu copiei daqui: http://thecookieshop.wordpress.com

Ideais pra acompanhar uma taça de vinho, ou pro lanchinho de toda hora, pra servir com uma pasta numa mesa de aperitivos, pra servir com café, comer na frente da televisão...desculpas mil pra você fazer, porque são de fato,muito gostosos!
 
Ingredientes:
  • 1 1/2 xícara de queijo prato, muzzarela ou cheddar ralado grosso
  • 4 colheres de sopa de manteiga sem sal em temperatura ambiente
  • 3/4 xícara de farinha de trigo
  • 1/2 colher de chá de sal (ou a gosto)
  • Alecrim seco a gosto (usei umas duas colheres de chá), ou pimenta calabresa em flocos
  • 1 colher de sopa de creme de leite (eu usei leite)
Preaqueça o forno a 180° C. Forre duas assadeiras com papel manteiga.
No processador de alimentos, coloque o queijo, a farinha, o sal, o alecrim e a manteiga. Processe até virar uma farofa grossa.
Junte o creme de leite ou leite e processe até a massa se juntar numa bola.
Numa superfície polvilhada com farinha de trigo, abra a massa em forma de retângulo (mais ou menos 20 X 25cm). A espessura não deve ser muito fininha. Com uma faca grande ou carretilha, corte tiras de 0,5cm. Transfira com cuidado para as assadeiras, deixando espaço entre elas.
Asse até dourar as pontas (de 10 a 15 minutos). Deixe esfriar na assadeira e sirva, ou guarde em pote com tampa por até 3 dias.

terça-feira, 12 de julho de 2011

Sopa de Cenoura, Abóbora e Sálvia

Essa deliciosa sopa está lá no  cucchiaiopieno, da minha querida e sempre gentil amiga Léia. Tudo que ela nos mostra é sempre muito gostoso, e me identifico sempre com as receitas que tem um toque italiano...então, aproveitando as noites mais frias, aí está uma deliciosa sopa de abóbora, cenoura e sálvia, que é uma das minhas ervas preferidas. 

Anote aí:

Ingredientes para 4 pessoas:
400 gr de abóbora (pesar sem casca e sem sementes) 
400 gr de cenoura 
2 cebolas médias 
1 litro de calda de legumes 
8 folhas de sálvia fresca
2 colheres (sopa) de azeite de oliva extravirgem 
sal e pimenta-do-reino moída na hora 
queijo parmesão ralado 

Modo de preparo:
Descasque e fatie as cenouras, a abóbora e as cebolas. Coloque-as em  uma panela grande em fogo médio com o azeite de oliva e as folhas de sálvia lavadas e inteiras. Misture tudo com uma colher de pau. Refogue por cerca de 10 minutos com a panela semi tampada, ou até que as cenouras fiquem tenras, mas sem se despedaçarem
Retire as sálvia da panela e dispense-as. Adicione à panela o caldo fervente de legumes, somente até cobrir os vegetais. Mexa, deixe ferver e depois mantenha-a em fogo baixo por 10 minutos com a panela tampada. Tempere com sal e pimenta-do-reino. 
Com um liquidificador ou um mixer, bata a sopa até que fique uniforme e acrescente o caldo de legumes restante até que a sopa fique na consistência que você goste. 
Distribua nos pratos de servir e polvilhe com queijo parmesão ralado, ou enfeite com folhinhas de sálvia...mas não precisa ser o "pé" de sálvia inteiro como eu fiz...hehehe...

E se você gosta da combinção de abóbora com sálvia posso sugerir esse nhoque de abóbora na manteiga de sálvia, que é delicioso também!

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Nhoque de batata doce com molho de linguiça

 
Mais que uma receita, apenas uma idéia pescada lá no http://digamaria.com.br/ 

Se você gostou, e quer saber como é que eu fiz...foi assim:

Para o nhoque de batata doce:
600g de batata doce cozida e passada no espremedor (passe as batatas ainda quentes para facilitar seu trabalho)
01 colher de sobremesa de manteiga
01 colher de chá de sal
01 gema 
3/4 xícara de chá de farinha de trigo

Misture a manteiga e a gema nas batatas que já estão espremidas, Acrescente o sal, misturando bastante. acrescente a farinha de trigo aos poucos, amassando até que seja formada uma massa uniforme. Na mesa enfarinhada, forme os nhoques. 
E o molho de linguiça...apenas uma lata de "tomate pelati" jogado aonde as liguiças desmanchadas já tinham sido refogadas com alho e cebola numa boa porção de azeite. Deixei apurar, sal e pimenta...talvez um pouquinho de manjericão...e pronto! 
Ah, não se esqueça do queijo ralado!