domingo, 5 de fevereiro de 2012

BC Welze - As suas viagens

Não vou falar da mulher fantástica, lutadora, da figura encantadora, da esposa companheira, da mãe carinhosa, exemplar, daquela que sempre tinha uma palavra gostosa a dar as boas vindas àqueles que chegavam pela primeira vez...quem pôde conviver com ela, mesmo que virtualmente, como eu, sabe muito bem...
Quero falar aqui das viagens dessa minha amiga que se foi de nós, mas que com certeza está se divertindo a valer em outro plano.
Não tinha nada de complicado, suas viagens eram simples, quase sempre resolvidas de última hora...como ela mesma dizia: "Quando o Bonitão (que era como ela apelidou carinhosamente o marido) me liga, Eu, de minha parte, estou sempre pronta para essas viagens"
Ele telefonava, e ela ia feliz da vida, por ter a oportunidade de acompanhá-lo
Eles viajavam por esse país afora, ele trabalhando, e ela, se divertindo, fotografando, conhecendo gente aqui e ali, e tratando de descobrir as maravilhas deste nosso país...
Nossa amiga Welze gostava de liberdade, e lembro bem da sua felicidade quando adquiriu o Blue Berry, um fusca azul, que ela conduzia sempre com muita alegria.
Outras vezes eles iam de moto, já que os dois faziam parte de um grupo de motociclistas e eram os dois muito ativos e queridos nos encontros que frequentavam pelo pais inteiro.Como ela se sentia feliz ao nos relatar os encontros, as histórias, as aventuras, nos mostrar as fotos dos dois com as motos, seus amigos, seus companheiros...
E ao ler mais uma vez o blog que ela escreveu com tanto carinho, me deparei com essa Oração, que neste momento, ofereço à essa minha amiga que se foi, e à sua família que aqui
ficou, cheia de saudades, assim como nós, que tivemos a oportunidade de conhecê-la e de admirá-la...

Oração do Motociclista
"Senhor... cada vez que subo numa moto eu sinto a liberdade e ao mesmo tempo tenho medo de encontrar-Te num destes caminhos perplexos do mundo.
Como sou frágil diante da natureza, e ao mesmo tempo me sinto forte e dono de mim, quando estou numa motocicleta. 
Mas Senhor, não quero perder minha vida num destes momentos.
Quero que o guidão de minha moto esteja sempre firme em minhas mãos.
Que o capacete que me protege a cabeça seja a segurança de que preciso, e que Tu Senhor, seja a minha proteção permanente.
Perdoa-me Pai, se por vezes abuso da liberdade que me deste e corro alucinado, ou me perco nas emoções da velocidade, em busca de respostas...
Permita que cada dia eu possa sentir a Tua presença na brisa que recebo no rosto, na velocidade e na superação de meus próprios limites, e na responsabilidade da vida que tu me deste.
Quero sentir Tua presença protetora e amiga, pois sei que estás comigo como meu caroneiro.
Protege Senhor, nossas vidas, e acolhe junto de Vós os companheiros que já partiram, que eles possam viver as alegrias de estarem Convosco, e que nós tenhamos a esperança de um dia também encontrar-Vos.
Protege Senhor, por intermédio de Nossa Senhora Aparecida, nossas motos, nossas vidas, nossos caminhos, para que na certeza de Tua presença, possamos dar-Te glória e louvor, para sempre, Amém".


Imagens foram retiradas do blog Gostosuras sem Travessuras, apenas como forma de homenagem

25 comentários:

  1. Olá, querida Renata
    Toda vez que vejo uma moto penso em alguns acidentes horríveis que já vi... Sinto muita pena da mãe...
    A Welze era uma amigona de todos... extravasava alegria e otimismo...
    Bom lembrar quem é pela Paz e bem...
    Saudades é o que fica pra nós...
    Bjm de paz e esperança de nos revermos todos no Céu.

    ResponderExcluir
  2. Que pessoa incrível! Pena que não tive a oportunidade de ter nenhum contato com ela!
    Onde quer que ela esteja, certamente estará muito feliz por todo carinho recebido!
    Abraços fraternos
    Léia

    ResponderExcluir
  3. Lindo dia para vc...
    muitas alegrias neste dia que promete
    bjs
    juliana

    ResponderExcluir
  4. Re, que linda foi sua homenagem! Vou correr e ver as outras. Welze deve estar feliz por todo esse carinho.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Rê, essa linda homenagem que vc fez a Welze foi maravilhosamente escolhida por vc. Adorava quando ela contava de suas viagens, tão feliz e radiante. Lindas participações, emocionantes e marcantes. Com certeza, ela esta sorrindo lá no outro plano. Bjos ótimo domingo

    ResponderExcluir
  6. todos que estão participando desta BC foram tocados, de alguma forma, pelo carisma desta cronista apaixonada, que passou muito brevemente pelas nossas vidas, mas passou de uma forma tão intensa, que deixou marcas de carinho espalhadas por aqui e acolá.
    agradeço a sua participação, sua homenagem, me emocionei com ela demais da conta, como diria Welze. sendo fiel a minha tão querida amiga, peço que jamais se esqueçam disto:
    ...
    O importante é ser feliz.
    Isso é um direito, um dever de todos nós.
    É uma questão de sobrevida.
    Não imagino uma vida sem felicidade.
    Welze
    grata de coração e um beijo
    angela
    ps. por favor me desculpem por ser uma msge unica para todos os blogs,mas rogo que me entendam, pois é exatamente isto que gostaria de dizer a todos.

    ResponderExcluir
  7. Rê, foi muito linda esta homenagem. Sem dúvida, estamos tocados pelo exemplo de amizade e a Welze está recebendo estas vibrações de carinho.
    Beijos
    Fabiola

    ResponderExcluir
  8. Renata, estou me emocionando com a leitura das homenagens. Não participei, pois estava seguindo a Welze há pouco tempo, embora fosse leitora de mais de um ano do blog, sem me manifestar. Não sei porque, pois quando, finalmente, me apresentei, ela me acolheu super bem. Só pude lamentar sua ida, mas sei que Welze está muito bem, onde está.
    Beijo e bom domingo.
    (Já conhece? www.luciahsoares.com)

    ResponderExcluir
  9. Bela postagem, bela referência, belíssima oração!
    Bjssssssssssssssss, quérida!

    ResponderExcluir
  10. Rê, que bom você ter escolhido falar das viagens, da liberdade e ainda nos recordar a oração do moticiclita. Lembro-me desses posts todos e é muito bom recordar através de você.
    Ela tocou-nos a todos, com seu jeitinho muito especial de ser.
    Tenha um ótimo domingo, querida!

    ResponderExcluir
  11. Sabe que eu não tinha visto sobre essa faceta da Welse no blog dela? Achei super interessante vc comentar algo tão sigular e divertido dela. Maravilhosa homenagem Renata.

    ResponderExcluir
  12. Renata, linda a homenagem à nossa querida amiga Welze.
    Hoje com certeza está sendo um dia muito lindo para ela com essa corrente de amor e carinho !
    Bom domingo amiga.
    Bjs
    Ivani

    ResponderExcluir
  13. Renata,
    Lindo post.
    Pena de não ter conhecido a Welze.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  14. Não me escrevi, mas também tomei a iniciativa de participar da blogagem coletiva.
    Nossa meu coração ficou apertado em rever essas fotos.
    A Welze foi um presente que ganhei da blogsfera. Aprendi muito com ela. Parabéns pela homenagem - ela merecida, teria esperado ansiosamente este dia, pois ela adorava fazer aniversário. Bjs

    ResponderExcluir
  15. Renata, adorei seu post e a forma como escolheu falar da nossa amiga.
    Coisa que você soube bem observar, ela em sua simplicidade conseguia transformar um passeio com o bonitão, numa viagem de aventuras e descobertas.
    Eu adorava ler seus posts contando por onde tinha andado.
    Quando ela publicou essa oração, eu na mesma hora copiei e enviei para meu filho e para o meu marido, ambos tem motos e adoram.
    A Welze deve estar muito feliz hoje, são tantas as homenagens, e uma mais emocionante que a outra.
    Um grande beijo querida!

    ResponderExcluir
  16. Oi, Re,

    A sua homenagem à Welze ficou perfeita: carinhosa e bem a cara dela, rsrs.

    Um beijo e boa semana, querida

    ResponderExcluir
  17. Olá, Renata!Que linda homenagem!Realmente a Welze transparecia ser uma pessoa liberta e de bem com a vida, uma vida que nos devemos espelhar!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  18. Linda homenagem, Renata. Lamento não ter conhecido a Welze, já que percebe-se que, pelas homenagens, ela era muito especial.
    Bjssss

    ResponderExcluir
  19. lind homenagem querida ..amei também fiz a minha hoje ..pode ter certeteza que no céu a festa também foi bem grande ..bjão
    sadhia

    ResponderExcluir
  20. Renata, como gostei de recordar as viagens da Welze e o seu Blue Bird! Como ela estava feliz nesse dia!
    Por certo que hoje também estará, com a Festa de seu Aniversário preparada pela Ângela na Blogosfera!
    Com lindos textos, poemas, fotos, música, flores e tantas outras Gostosuras!
    Obrigada, Renata. PARABÉNS WELZE!
    Bjs. Bombom

    ResponderExcluir
  21. Renata querida,
    É sempre triste perder-se um ente querido, uma pessoa tão amiga, mas como sabemos que nossa permanência é temporária, devemos entender como um grande privilégio terem conhecido e convivido com Welze, lamento não ter tido essa oportunidade.
    Boa semana,
    Vânia

    ResponderExcluir
  22. Renata, muito obrigado por nos presentear com essas lindas palavras...de fato, essa era uma das partes preferidas da vida de minha mãe.
    Emocionante e sem palavras

    ResponderExcluir
  23. Olá Renata,

    A Welze com certeza está muito Feliz com a homenagem...

    Que a Nossa Semana seja de Muito Progresso, Amor ao Próximo e Doçura!!!
    1000 Beijokinhas

    ResponderExcluir
  24. Olá Renata
    Muito interessante vc ter se focado nessa perspectiva das viagens. Eu tb gostava (e ainda gosto) muito de ler os relatos das viagens da Welze, e acho curioso que ela muitas vezes dizia que adorava as viagens, mas gostava ainda mais de regressar a casa. Engraçado que tenho este tema bem presente na memória, li no fim de semana mesmo um texto em que ela contava precisamente que o "bonitão" lhe tinha telefonado para ela fazer as malas... que beleza! Que saudade que fica.

    Bjs

    ResponderExcluir
  25. Saudades da nossa querida!!!

    Bela homenagem!!!

    Bjs...

    ResponderExcluir

É um prazer tê-lo aqui,fique a vontade para deixar seu comentário!