sexta-feira, 17 de agosto de 2012

E o Rio de Janeiro continua lindo...como eu me lembrava dele!

Eu adoro esta cidade, e quando alguém me pergunta qual é a cidade mais linda que eu já visitei na minha vida (até hoje, logicamente!), eu digo: O Rio de Janeiro! Pra mim não existe outra igual! 
Infelizmente não posso frequentar o Rio tanto quanto eu desejo, pois esta delícia de cidade está a 450km da minha...

A vista da baia da Guanabara me encanta...a vontade é de ficar debruçada sobre ela infinitamente...

A praia da Barra da Tijuca com céu azul só pra mim...é um sonho...

Nos bares do Rio as caipiroskas são servidas ao gosto do cliente, com as frutas da estação...uma de cada pra provar, e descobrir que a de lichia é a minha preferida!

Minha melhor e mais fiel companheira de viagem...
A cada vez que estamos juntas a vida fica mais colorida!

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Bolo Grego de Sêmola e Amêndoas

Ganhei este livro há algum tempo, e simplesmente adorei!
Ele traz as receitas tradicionais de pratos salgados e doces dos paises do Mediterrâneo, região que eu adoro...
Espanha, Grécia, Turquia, Itália, França, Marrocos, Argélia e Tunísia são retratados através da sua riquíssima gastronomia...uma viagem através dos sabores!
A sêmola de trigo juntamente com as amêndoas garante uma massa úmida, macia e fofinha como deve ser...
O seu nome original é "Halvas Fourno", mas pra mim ficou sendo Bolo Grego de Sêmola e Amêndoas, pois é disso que ele é feito...

Bolo Grego de Sêmola e Amêndoas

Ingredientes:

Xarope: (usei somente metade da quantidade de xarope e achei que foi suficiente)
625ml de açúcar
2 colheres (sopa) de suco de limão

Massa:
125g de manteiga sem sal - temperatura ambiente
185ml de açúcar refinado
2 colheres (chá) de casca de limão ralada
3 ovos
185ml de sêmola de trigo
125g de farinha de trigo com fermento
125ml de leite
80g de farinha de amêndoas sem pele torradas e picadas

Modo de Fazer:
Aqueça o forno em 180ºC. 
Unte uma forma de 30 X 20cm
Numa panela dissolva o açúcar em 750ml de água em fogo alto acrescentando o suco de limão.
Reduza a temperatura e deixe cozer em fogo baixo por 20min. Retire então do fogo, e deixe a parte até que esfrie.
Enquanto o xarope está cozinhando, bata a manteiga, a casca de limão na batedeira até a mistura ficar leve e cremosa. acrescente os ovos, um de cada vez, batendo bem depois de cada acréscimo
Peneire a sêmola e a farinha juntas e acrescente a mistura de manteiga e leite de forma alternada
Acrescente as amêndoas picadas. Deite a massa na forma preparada e salpique as amêndoas em lascas por cima. Deixe assar até dourar (mais ou menos 40min)
Fure o bolo ainda quente com um garfo e jogue por cima o xarope de açúcar, com o bolo ainda quente.

terça-feira, 14 de agosto de 2012

Waffle de grife...ou não

Já pensou comer seus waffles de manhã "estampados" com as marquinhas da famosíssima Louis Vuitton? 
Puro luxo não é?

Para mim, "ordinary people", que não tenho a assim tanta necessidade de comer waffles com grife, me viro com a minha maquinha básica e "velha de guerra", que tem me acompanhado firme e forte durante anos...Louis Vitton pra mim só mesmo a carteira pequenininha que comprei em Paris naquele dia de inverno onde andar na rua estava custando mais caro que entrar numa loja para se aquecer...

Devaneios à parte, prefiro deixar aqui a minha receita de waffles, e prometo que eles ficarão tão saborosos como se tivessem feitos na maquininha aí de cima!

Waffles da minha madrinha (infalíveis e sempre deliciosos)

Ingredientes:
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 colher (sopa) rasa de fermento em pó
1 colher (café) de sal
1/2 xícara (chá) de manteiga derretida e resfriada
02 ovos (claras em neve)
2 xícaras (chá) de leite

Modo de Fazer:
Bater no liquidificador todos os ingredientes menos as claras que deverão ser batidas em neve e misturadas com cuidado ao restante da massa.
Colocar aos poucos no aparelho de waffle que já deve estar aquecido e untado com manteiga se for o caso.

Servir com geleia, sorvete, mel, ou manteiga. 
Você vai ver que para comer um delicioso waffle nem é preciso ter uma maquininha dessas...(mas que seria legal ter uma isso seria não é?)

domingo, 12 de agosto de 2012

Pavê de Morango...para agradar ao Pai, e aos filhos

Neste domingo comemoramos o dia dos pais aqui no Brasil.
Um dia de festa, pais e filhos reunidos celebrando com alegria!
Escolhi para a nossa sobremesa um docinho simples, "sem respeito nenhum", como costuma dizer a minha mãe...mas que todo mundo adora: um pavê de morango...afinal eles estão lindos, e super baratos nessa época do ano.
Coisa mais fácil do mundo, sem nenhum segredo, qualquer pessoa consegue fazer...e vai agradar, com certeza...até aqueles que acham que pavê é sobremesa "brega" vão se render...ah, claro que vão! 
Sabe fazer não?
Anota então, e se por acaso não tiver morangos em casa, use pêssego em calda, abacaxi, banana, brigadeiro, nozes...as possibilidades são infinitas!

Pavê daqui de casa:

Comece montando o seu pavê com uma camada do seguinte creme:

01 lata de leite condensado
a mesma medida de leite
3 gemas peneiradas
01 colher (sobremesa de amido de milho)

Levar ao fogo baixo, mexendo sempre até engrossar. Deixar esfriar antes de empregar.

O próximo passo são os biscoitos, que farão a próxima camada. (eu uso biscoitos tipo champagne, ou palitos ingleses se você mora fora do Brasil), mas os biscoitos tipo maizena também ficam muito bem. Não se esqueça de "molhar" seus biscoitos no leite, ou no refrigerante da sua preferência, suco de frutas que você gostar, ou ainda numa calda rala de açúcar e água.

Mais uma camada do creme e os morangos ou a fruta que você escolheu.

Vá intercalando dessa forma, creme, biscoitos e morangos até que o refratário esteja quase que preenchido.

Por fim, cubra com um suspiro feito com 3 claras em neve firme, 09 colheres (sopa) de açúcar, tudo bem batido como suspiro firme, depois acrescente 200g de creme de leite e misture delicadamente.

Enfeite com os morangos restantes e leve à geladeira por algumas horas antes de servir.
Sirva seu pavê sem medo e faça muita gente feliz!