sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Bundt Cake de Limão e Mirtilos


Mirtilos ou Blueberries, como são mais conhecidos; ainda são frutinhas incomuns aqui no nosso país. 
Difícil consegui-las por um preço que seja razoável, pelo menos aqui na minha região.
Quando eu encontro essas "bolinhas azuis" no mercado, logo me animo, e minha cabeça gulosa já pensa logo em ir pra cozinha preparar uma coisinha gostosa pra comer...
Neste delicioso bolo, que vem da Cozinha Coletiva, de massa é super leve, a
presença das blueberries  casando-se muitíssimo bem com o limão siciliano, garante um bolo úmido e macio
Eu optei por não fazer a cobertura - polvilhei o bolo com açúcar de confeiteiro, pois prefiro os bolos um pouco menos doces, mas a receita está completa e se você preferir a cobertura pode ver como fica o bolo lá no blog de origem.



Bundt Cake de Limão e Mirtilos

Ingredientes para a massa:
2 e 1/2 xícaras de farinha, mais 2 colheres de sopa, separado;
2 colheres de chá de fermento em pó;
1 colher de chá de sal;
1 e 1/2 xícaras de açúcar refinado;
Raspas de 1 limão siciliano;
1 xícara [200g] de manteiga em temperatura ambiente;
3 ovos, em temperatura ambiente;
1/2 colher de chá de extrato de baunilha;
3/4 de xícara de buttermilk [você pode trocar pela mesma quantidade de iogurte integral ou por 3/4 de xícara de leite misturado com 1 colher de sopa de suco de limão];
3 xícaras de mirtilos [frescos ou ainda congelados].

Para a cobertura: (que eu não fiz)
2 xícaras de açúcar impalpável;
2 ou 3 colheres de sopa de leite [usei 5 colheres];
1 colher de sopa de manteiga amolecida [textura de pomada].

Prepare o bolo:
Preaqueça o forno a 180 graus. Unte com manteiga e enfarinhe uma fôrma para bundt cake [ou uma fôrma de buraco no meio simples, se você também não tiver a própria] com capacidade para 10 xícaras. Reserve.
Em uma tigela média misture as 2 e 1/2 xícaras de farinha, o fermento e o sal. Reserve.
Na tigela grande da batedeira coloque o açúcar e as raspas de limão e amasse com as pontas dos dedos até  a mistura ficar homogênea e o limão liberar todo o seu sabor. Adicione a manteiga e bata em velocidade média por uns 5 minutos [bati por us 8 minutos pois estou usando uma daquelas batedeiras simples], até formar um creme fofo. Diminua a velocidade para baixa e adicione os ovos, um a um, batendo bem após cada adição. Incorpore também a baunilha.
Retire a tigela da batedeira e adicione 1/3 da mistura de farinha, peneirando e misturando com uma espátula grande, seguida por metade do buttermilk, outro 1//3 da mistura de farinha, o restante do buttermilk e o restante da mistura de farinha.
Em outra tigela misture os mirtilos com as 2 colheres de farinha reservadas, e incorpore-os à massa, misturando com delicadeza.
Passe a massa para a fôrma preparada e nivele a superfície com a espátula. 
Leve ao forno por 55 ou 60 minutos, até que ao enfiar um palito de madeira no bolo, ele saia limpo. 
Retire do forno, deixe esfriar por meia hora na fôrma, então desenforme em um prato e deixe terminar de esfriar completamente antes de cobrir.

Prepare a cobertura:
Com um fouet, bata bem o açúcar, o leite e a manteiga, até ficar cremoso. A cobertura deve ficar bem grossa, mas você pode ir adicionando colheradas de leite se preferir mais rala [eu adicionei demais, então cuidado!]. Espalhe a cobertura sobre o bolo e tente espere secar antes de servir.

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Brigadeiros de Creme Brulée


A receita veio do http://www.omelhorrestaurantedomundo.com/, da nossa amiga Rosângela, blog cheio de maravilhas, onde o nome faz jus às delícias que ela nos apresenta.
Entre elas esse delicioso docinho,
Pense num brigadeiro branco, com uma deliciosa "casquinha" de açúcar por cima, 
Um Creme Brulée já prontinho pra comer de uma vezada só!



Ingredientes:
1 lata deleite condensado
200 ml de creme de leite fresco (ou 1 caixinha de creme de leite)
2 gemas
1 colher(sopa) de manteiga
1 colher (sopa) de extrato de baunilha
Acúçar cristal
Maçarico culinário
forminhas de brigadeiro

Modo de preparo:
Em uma panela, adicione o leite condensado, o creme de leite, as gemas, a manteiga, o extrato de baunilha e mexa tudo. Leve a panela ao fogo médio, mexendo sempre até que fique na consistência de brigadeiro. Enquanto a panela estiver no fogo não deixe de mexer o brigadeiro, porque como o creme de leite vai junto, se caso você deixe de mexer, o brigadeiro começa a subir e pode derramar, ok? Por conta disso, ele demora um pouco mais no fogo, mas ele chegará a consistência certa ao desprender do fundo da panela e a coloração do brigadeiro assume uma cor de doce de leite. Quando chegar ao ponto certo, coloque o brigadeiro em um prato untado com manteiga e deixe-o esfriar. Faça bolinhas e envolva-as com o açúcar cristal. Em seguida, passe o maçarico culinário na superfície de cada brigadeiro para que o açúcar derreta e forme uma crostinha dourada por cima do docinho. Se você quiser, uma casquinha mais grossa, passe o brigadeiro novamente pelo o açúcar cristal e use novamente o maçarico. Depois é só colocá-los dentro das forminhas e estão prontos.


Não preciso dizer que é delicioso, você já está vendo...


Só comi um, mas quem ganhou de presente, se fartou, e pediu Bis!

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Arroz de Polvo...quem não se arrisca não petisca!


Aqui na minha terra, tem um dito que diz: "Quem não arrisca não petisca", e foi exatamente seguindo essa premissa que eu resolvi fazer emu arrozinho de polvo!
Com certo receio é verdade, pois polvo pra mim era um "bicho de sete cabeças"...coitadinho...
Mas o fato é que eu nunca tinha tido contato culinário com o bichinho, e prepará-lo me parecia algo assustador, 
Puro engano, pois o meu amigo polvo se portou muito bem, colaborou bastante, e me proporcionou a alegria de poder provar um arroz de polvo preparado por mim mesma, 
Foi a glória, claro que sim!



Procurando muitas receitas e maneiras na internet, acabei chegando a um modo de fazer o tal arroz, que foi esse aqui,

Ingredientes:
1 polvo médio
1 cebola cortada ao meio
1 folha de louro
¼ xícara (chá) de azeite de oliva
1 cebola picadinha
1 dente de alho picado
3 xícaras (chá) de arroz lavado - usei arroz parabolizado
½ xícara (chá) de vinho branco seco
3 tomates sem pele e sem sementes picadinhos
Sal a gosto
Pimenta-do-reino/pimenta vermelha a gosto
¼ xícara (chá) de salsinha picada - ou coentro se você gostar

    Modo de fazer:
Em uma panela de pressão, coloque o polvo, a cebola cortada ao meio, a folha de louro, água que cubra o polvo,  tampe a panela e leve ao fogo.
Assim que iniciar a pressão, deixe cozinhar por 8 minutos. Retire a panela do fogo e espere sair a pressão.
Reserve o caldo e corte o polvo em pedaços. Aqueça o azeite em outra panela e murche a cebola. Acrescente o alho e refogue-o.
Em seguida, coloque o polvo e misture. Acrescente o arroz lavado, o vinho, e misture deixando o vinho evaporar. Junte o tomate, o caldo do cozimento do polvo e, se necessário, coloque mais água quente, aos poucos - aqui vale acrescentar um tablete de caldo a sua escolha (peixe, legumes, frango, etc)
Deixe cozinhar no fogo médio até que o arroz esteja macio. 
Por fim, coloque o sal, a pimenta-do-reino, a salsinha, misture e sirva.


O meu polvo já comprei limpo, mas já ouvi dizer que os tentáculos vem cheios de areia, e que as vísceras que se encontram na cabeça e algumas cartilagens tem que ser removidas...na dúvida, é melhor comprar o bichinho limpo mesmo, não é?
Não sei se as minhas queridas amigas portuguesas (que são mestras no assunto) vão aprovar, mas o meu arroz de polvo ficou muito gostoso!