quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Biscoito de polvilho...que tem gosto de infância


Biscoito de polvilho para mim tem gosto de infância, de Renata criança que não tinha paciência de esperar que os biscoitos estivessem assados para poder comê-los, 
Biscoitos de polvilho para mim tem gosto de família, de travessura, de brincadeira, gosto de coisa boa, 
Coisa boa que se repete...
Já que hoje, é meu filho quem não pode esperar os biscoitos estarem assados,
Ele quer logo encher sua mão de biscoitos e sair correndo, achando a maior graça na sua pequena travessura, 
Mesmo que esse rapaz já tenha 21 anos, continua a ser criança...
E eu adoro!


Ingredientes:
500 g de polvilho azedo
1 copo (americano) de leite 
1 copo (americano) de óleo de canola 
1 copo (americano) de água 
1 ovo 
1 colher (sopa) de sal 
manteiga e farinha de trigo para untar e polvilhar

Modo de Preparo:
1. Junte o polvilho e o sal numa tigela grande. Misture e reserve. 
2. Coloque o leite e o óleo numa panela e leve ao fogo alto para ferver. Em seguida, retire do fogo e acrescente a mistura na tigela com o polvilho. Mexa rapidamente com uma colher, sem deixar esfriar. Misture até obter uma massa homogênea. 
3. Adicione o ovo à massa e misture. Acrescente a água, aos poucos, até que a massa atinja uma consistência mais dura do que a massa de um bolo. 
4. Transfira a mistura para uma batedeira e bata até obter uma massa homogênea. Preaqueça o forno a 180ºC (temperatura média). Unte uma assadeira com manteiga e polvilhe com farinha de trigo. 
5. Retire a massa da batedeira e coloque-a num saco de confeitar. Para fazer os biscoitos, coloque o bico próximo à assadeira untada e enfarinhada e aperte o saco de confeitar, formando palitos ou argolas com a massa. Você pode fazer biscoitos no formato que desejar, mas cuide para que todos possuam a mesma forma e o mesmo tamanho, assim todos levarão o mesmo tempo para assar. 
6. Leve a assadeira ao forno preaquecido e deixe assar por cerca de 15 minutos. 
7. Retire os biscoitos do forno e deixe esfriar bem. Guarde-os em recipiente com tampa hermética em local seco e arejado.

Fonte: A receita veio daqui

9 comentários:

  1. É começar a comer e não parar até ver o fim!!! Achei a receita bem prática e tudo que é preparado com carinho em cada fica muito melhor! Beijos! =)

    ResponderExcluir
  2. Oi Renata, adoro receita com memória...os biscoitos estão muiiito apetitosos, bom ver filho feliz, né?!!
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Serão sempre eternas crianças.
    E isto é ótimo.

    ResponderExcluir
  4. Bom dia menina Rê, sabe que aqui todos adoramos biscoito de polvilho. Já tentei fazer uma vez, mas não ser por que cargas d'agua, eles ficam crocantes só no dia, mesmo armazenados, no dia seguinte ficam muchos. É normal? Acontece com vc? Vou tentar fazer o seu quem sabe dá certo. Ficaram lindos. Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha querida,
      Os biscoitos de polvilho feitos em casa tem esse probleminha, não ficam crocantes por muito tempo
      Eu não sofro desse mal, já que em casa eles não duram muito...rsss, mas eu creio que se fosse os fizer mais fininhos e deixar mais tempo no forno eles com certeza vão ficar mais crocantes.
      Essa receita é bem fácil vale a pena testar, viu?

      Excluir
  5. Renata,
    Tudo bem com você?
    Estes biscoitinhos maravilhosos já me fizeram pecar (pecado da gula) muitas vezes. Pegava um pacote grande e ia comendo e fazendo outras coisas. De repente, via o saco quase vazio e ficava escandalizada comigo mesma. Como é que eu poderia ter comido tanto? É, é assim que a gente peca com eles, sem sentir nem perceber...

    Beijos e um fim de semana de muitas alegrias

    ResponderExcluir
  6. Ah, Xará... esses biscoitos tb me lembram a infancia, mas como sou carioca, eles tem sabor de praia! Há anos tenho vontade de fazer em casa, será que agora vai?
    bjsss

    ResponderExcluir
  7. oi Renata,
    Eu adoro biscoito de polvilho, mas nunca experimentei faze-lo. Vou tentar experimentar sua receita que pareceu deliciosa.
    Bj e ótima semana,
    Lylia

    ResponderExcluir
  8. Oi Renata,
    Fiquei com água na boca. Pra mim, além de cheiro de infância, tem cheiro de Minas Gerais.
    Das lembranças do tempo vivido 'na roça´ e que tínhamos estes biscoitinhos quase todo fim de tarde.
    Um beijo

    ResponderExcluir

É um prazer tê-lo aqui,fique a vontade para deixar seu comentário!